segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Sobre Séries:Luther



Ficha tecnica:
Criado por Neil Cross (2010)
Com Idris Elba, Darren Boyd, Rose Leslie...
País Reino Unido
Gênero Drama, Crime
Status 4 Temporadas
Duração 52 minutos

Sinopse:Em Luther, acompanhamos o trabalho de um dedicado policial, interpretado por Idris Elba (The Wire), um gênio na hora de resolver crimes. No entanto, John Luther tem um comportamento obsessivo, possessivo e muitas vezes perigoso ao lidar com suas fixações e paga um preço alto por sua dedicação, pois termina sendo consumido pelo peso dos crimes que deve investigar.



Minha Opinião:Confesso que comecei a assistir Luther sem muitas pretensões,não foi por indicação
nem nada mas o resultado de uma busca pra passar o tédio,e confesso que essa serie me prendeu
logo no primeiro episodio.
Quando a gente assiste muitas series de investigação é normal espera que siga sempre a mesma linha,e é o que normalmente acontece,mas com Luther é tudo bem diferente começando pelos casos
que são muito bem explorados e que não são resolvidos de forma tão simples como em outras series,
outra coisa que me intrigou é o próprio  Luther,o principal personagens da series que é totalmente complexo e difícil de descifra,fora a atuação e a química entre todos os personagens,
Sem duvido é uma serie que vale cada segundo e ainda deixa um gostinho de quero mais...


segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Fragmentos-Clarissa Corrêa


Autoria:Clarissa Corrêa

Sou forte. Meio doce e meio ácida.
Em alguns dias acho que sou fraca.
E boba.
Preciso de um lugar onde enfiar a cara pra esconder as lágrimas.
Aí penso que não sou tão forte assim e começo a olhar pra mim.
Sou forte sim, mas também choro.
Sou gente.
Sou humana.
Sou manhosa.
Sou assim.
Quero que as coisas aconteçam já, logo, de uma vez.
Quero que meus erros não me impeçam de continuar olhando para a frente.
E quero continuar errando, pois jamais serei perfeita (ainda bem!).
Tampouco quero ser comum e normal.
Quero ser simplesmente eu.
Quero rir, sorrir e chorar.
Sentir friozinho na barriga, nó no peito, tremedeira nas pernas.
Sentir que as coisas funcionam e que tenho que trocar de jeito
quando insisto em algo que não dá resultado.
Quero aprender e, ainda assim, continuar criança.
Ficar no sol e sentir o vento gelado no nariz.
Quero sentir cheiro de grama cortada e café passado.
Cheiro de chuva, de flor, cheiro de vida.
Aprecio as coisas simples e quero continuar descomplicando o que parece complicado.
Se der pra resolver, vamos lá!
Se não dá, deixa pra lá.
A vida não é complicada e nem difícil, tudo depende de como a gente encara e se impõe.
Quero ser eu, com minha cara azeda e absurdamente açucarada.
Não quero saber tudo e nem ser racional.
Quero continuar mantendo o meu cérebro no lugar onde ele se encontra: meu coração.
E essa é a melhor parte de mim.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

O que a vitória do Leonardo no MasterChef me ensinou.



Confesso que no começo do programa o Leonardo Young não era nem de longe o
meu favorito,na verdade a minha torcida era pra Raquel.
O Leonardo foi aquele participante que cresceu durante a competição de uma forma
linda de se ver ,entrou como um riquinho metido e saiu como um guerreiro,como alguém
que deu tudo de si naquilo que ele amava,no caso a Gastronomia.
Essa conquista acabou me inspirando e acho que a muitos brasileiros que na noite do dia
23 dormiram com um sorriso no rosto,o bem venceu o mal como dizia alguns...

Então resolvi lista cinco coisas que aprendi com a vitória do Léo nesse MasterChef.


1-O nosso maior adversário somos nós mesmos!


A gente vive numa sociedade onde todos tem ser melhores que os outros,sempre competindo,
sempre querendo passar por cima um do outro ou desvaloriza o outro pra se sentir melhor,essas
pessoas podem até chega em algum lugar mais,mas nunca saberão como é superar a si mesmo vencer
seus próprios limites, e provar pra si mesmo que consegue,E o Léo fez isso,quem não morria do
coração toda vez que ele entregava o prato no ultimo segundo,quando alguns nem acreditavam que ele conseguiria.

2-Quando você está indo em busca do sonho muitos vão tenta te parar no caminho.


Na vida é sempre assim poucos nos apoiam a maioria espera pra ver a nossa queda,
mas isso não deve ser usado como desculpa pra nos fazer parar,mas como combustível
pra ir além,E foi o que a gente viu acontecer com o Léo,aquele mezanino torcendo contra ele na
final foi só o ápice de um programa inteiro sendo ataca,recebendo olhares invejosos e energia negativa,e sendo excluído por alguns e subestimado por quase todos.

3-Suas atitudes falam mais alto que suas palavras!


Não adianta ficar gritando aos quatros ventos que é bom ou se fazer de vitima,
se você precisa chamar a atenção assim pra ser reconhecido então você não é tão com no que faz,
Nessa edição do MasterChef  nos vimos claramente os enormes discursos da Bruna sobre seus pratos,
suas técnicas,na teoria podia até ser tudo flores mas não foi o suficiente pra faze-la ganhar,diferente
do Léo que dentro do programa descobriu que é melhor foca no que você é capaz e deixa que ele diga por si.

4-Altos e baixos fazem parte do processo!


Já vi muitas pessoas que estão no auge da carreira hoje em dia que passaram por fazes bem ruins
e deram a volta por cima,a faze ruim pode servir pra ensina,pra avaliar se o caminho que você está
tomando é o certo ou mudar de ruma,ou pra ter certeza do que quer e ir com muito mais garra,
Nessa edição do Master eu vi o Léo passar por pratos ruins,quase chegar na berlinda e aprender
com tudo isso seus pontos,aumenta seu foco e não desistir,e isso lhe rendeu o premio maior.

5-Todo o esforço uma hora tem sua recompensa!


Muitas vezes a gente pensa que o nosso esforço nunca vai ser reconhecido,que não
vale a pena dar tudo de si,Mas na noite do dia 23/08/2016 eu vi o candidato que eu particularmente
não dava muita coisa no começo que não era o favorito dos jurados,nem da Ana Paula Padrão,se tornando o novo MasterChef Brasileiro e me fez pensa,é possível,os humilhados serão exaltados
um dia,e isso me deixou muito mais esperançosa com as coisas de agora em diante,

Obrigado Leonardo e Parabéns!!!!




segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Meu herói não tem capa


Sempre tive dificuldade de entender meu pai,
porque ele não era igual os outros pais,
Ele nunca foi muito bom em dizer o que sente ou
ser carinhoso,nessa parte somos iguais.
Durante muito tempo eu pensei que ele não se importava
porque ele nunca disse nada,nunca foi aquela coisa de comercial
dos dias dos Pais,por exemplo.
E quando eu era mais nova não via isso como um bom sinal,
Mas hoje mais velha eu consigo entender,que o amor dele por mim
era expresso de forma diferente.
Ele nunca disse palavras bonitas,
Mas sempre vi ele fazendo de tudo pra
que eu tivesse tudo que ele nunca teve.
Ele nunca disse que eu era importante,
mas sempre fez de tudo pra saber se eu estava bem,
Ele sempre esteve do meu lado,mesmo eu sabendo
que isso não era fácil pra ele as vezes.
E tudo que ele fez e faz por mim,foi o jeito que
ele encontrou pra dizer que me ama,
E esse texto é meu jeito de dizer que amo ele também
porque afinal somos muito parecidos,principalmente
nessa nossa inabilidade de dizer o que sente.
Meu herói não tem capa,não se parece com um herói
nem sempre faz tudo perfeito,mas sei que no fundo ele
sempre tenta salvar o meu dia e esse tenta já faz toda a
diferença pra mim.
Feliz dia dos Pais!



quinta-feira, 14 de julho de 2016

Coisas que a gente faz por quem a gente ama!



Eu já ouvi mil vezes a mesma história,sobre aquele seu namoro que não deu certo,
eu já decorei do começo ao fim,mas sempre ouço com paciência e depois passamos
horas falando mal do pobre coitado,
Eu menti pra sua mãe que você ia dormir em casa só pra você pode ir
naquele show,e você já fez o mesmo por mim.
Eu fui a primeira pessoa que teve coragem de andar de carro com você,
quando sua carta de motorista finalmente saiu.
Já brigamos de fica um dia inteiro sem se fala,e foram as horas mais difíceis pra mim,
Eu fiquei do seu lado em todos os momentos difíceis,eu sequei suas lagrimas desejando
que fossem minhas,
Eu comprei todas as suas brigas,mesmo aquelas sem sentidos,
afinal porque a gente odiou aquela garota de suéter mesmo?
Já fingir está bem pra não te deixa preocupada,o que não funciona porque
você sabe ler o meu olhar.
Eu estava lá na sua faze mais rebelde,aquele que você dizia pra todo mundo
que ia montar uma banda e cair no mundo,e claro, eu iria fazer parte dela
porque afinal yin não vive sem yang,Timão não vive sem Pumba e eu não vivo
sem você.
E você...
Você me aturou naquela faze meio gótica e sombria,decorou todas aquelas
musicas do Evanescence,
Você foi aquela que torcei pelos meus sonhos,mesmo quando eu não botava fé em mim,
Você foi a unica que sempre teve coragem de me dizer tudo,todas aquelas verdades
doidas e fazendo isso me livrou de muita coisa,
Você sempre foi a unica que conseguia me fazer rir até chora,mesmo quando
eu não tinha motivo algum pra sorrir,é seu super poder certo?
Você me mostrou aqueles livros incríveis que  moldaram quem eu sou,
Você sempre foi capaz de rir das minhas piadas sem graça nenhuma,
e de achar graça no meu jeito atrapalhado que sempre nos colocou em roubada,
Roubadas que se tornaram historias incríveis pra conta lá na frente.
Você me viu quando ninguém parecia ver e eu  vi quem você realmente é,
vi o que poucos tem a capacidade de ver.eu vi alem do que você aparentava ser.
E deis de então somos irmãs de mães diferentes,e nesse tempo todo nem sempre
foi fácil nada que realmente vale a pena é,
 temos que suporta muita coisas mas essas coisas a gente faz  por quem a gente
ama...


terça-feira, 10 de maio de 2016

Leaving the comfort zone


Autoria:Mess Meister

Eu tinha tudo sobre controle,
não espera me render desse jeito,
Tinha a vida toda planejada,
era daquelas que sabia exatamente
onde estaria nos próximos cinco anos,
Mas você virou tudo do avesso,
quando se desprendeu do seu medo e
atravessou minha zona de conforto,
tão rápido que não tive reação,

Eu esperava isso de qualquer outra pessoa
menos de você,
Você que sempre foi tão tímido que mal
 conseguia me olhar nos olhos,
Foi quem me fez perceber que a covarde
era eu,
Que nunca abri meu coração de verdade,
que nunca me permitir,
Eu pensava ser tão corajosa.


Eu achava que sabia o que queria,
que estava onde queria estar,
Gostava da calmaria,até você
agitar tudo como uma tempestade,
sua ondas agitaram meu mar.
Você me fez perceber que eu nunca
corri riscos,não no amor.
E que aventura...

Eu sempre me gabei por ser boa
com as palavras,
Percebi que todas elas se escondem
quando estou perto de você,
E  o que me espanta e você não
se importa nem um pouco,
Que até nossas imperfeições e erros,
parecem encantadores,
Não é igual aos filmes,é melhor,
Então não me deixe volta pra minha bolha
de novo.



domingo, 8 de maio de 2016

Para Sempre


Autoria:Carlos Drummond de Andrade 

 Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece com o que
é breve e passa sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça, é eternidade.
Por que Deus se lembra
- mistério profundo -
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre junto de seu filho
e ele,
velho embora,
será pequenino feito grão de milho.

Feliz Dia das Mães!!